Nesta quinta-feira, 25, a prefeitura de Chapecó confirmou a morte do quarto paciente enviado para o Espírito Santo para tratamento contra a Covid-19. Segundo informações publicadas pelo site G1, o paciente era morador do bairro São Pedro, tinha 67 anos, e morreu na quarta-feira, no Hospital Dr. Jayme Santos Neves.O nome da vítima não foi divulgado e ainda não há informações sobre o translado do corpo para Santa Catarina.

O Estado enviou pacientes para o Espírito Santo por conta da falta de leitos em UTIs, as transferências iniciaram em 3 de março e encerram nove dias depois, em 12 de março, o motivo foi o aumento da taxa de ocupação de leitos em UTI no estado de destino. Ao todo, cinco pacientes foram transportados.

​Daniel Pegoraro, 34 anos, foi o primeiro catarinense a morrer após a transferência, ele foi levado para o estado capixaba no dia 3 e faleceu três dias depois. A segunda vítima foi Ivani Oliveira Ratkiewcz, de 63 anos, no dia 15. No mesmo dia o catarinense Hércules Antonio Senger, de 59 anos, também foi a óbito no Hospital Dr. Jayme Santos Neves, na cidade de Serra, região metropolitana de Vitória, no Espírito Santo.De acordo com o último balanço divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) de quarta-feira (24), o número de pessoas diagnosticadas com a doença em Santa Catarina chegou a 778.711 desde março de 2020.

NSC

Comentários


Acompanhe a Vale Regional!

✅ Grupo WhatsApp: https://abre.ai/grupovale06
✅ Instagram: https://abre.ai/valeregionalnosinsta
✅ Facebook: https://abre.ai/valeregionalnofacebook
✅ Twiter: https://abre.ai/twitervaleregional

Vale Regional - Notícia em Tempo Real!