Agente teve agravamento do quadro de saúde em razão de trombose provocada pela doença, segundo cunhado.

Após 25 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Florianópolis, o policial militar Fábio Alves Leite, de 43 anos, morreu por complicações de saúde causadas pela Covid-19 na segunda-feira (15). O sepultamento aconteceu nesta terça-feira (16), no cemitério do bairro Itacorubi, na capital. Segundo a Polícia Militar, em todos os batalhões do estado houve registro de homenagens para o agente e também às famílias de vítimas da doença.

O cunhado dele e também militar, coronel Zelindro Ismael Farias, conta que Fábio foi entubado e realizou uma traqueostomia durante a internação. Porém, na noite de segunda (15) houve um agravamento do quadro em razão de uma trombose provocada pela doença e o militar não resistiu.

Zelindro Ismael Farias lamentou a perda do cunhado, que tinha diabetes. O PM atuava no 22º Batalhão da Policia Militar, na região continental de Florianópolis. Fábio realizava a fiscalização do policiamento da região. A corporação não especificou se ele atuava nas operações de fiscalização contra a Covid.

“Nunca tivemos a oportunidade de trabalhar juntos, porém ele era respeitado pelos seus subordinados, pares e superiores por sua lealdade, camaradagem e, principalmente pelo comprometimento com a atividade”, afirmou.

O PM deixa a mulher e dois filhos, um de 21 e outra de 14 anos. Durante a terça-feira, colegas da corporação do PM prestaram homenagens a ele e também a famílias de vítimas da doença no estado. Os agentes ligaram as sirenes das viaturas e fizeram saudações militares durante um minuto.

VÍDEO NO LINK ABAIXO:

https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/video/policiais-militares-prestam-homenagens-a-colega-que-morreu-por-causa-da-covid-19-9355595.ghtml

De acordo com a assessoria, houve homenagens em todos do batalhões do estado. A polícia divulgou vídeos com imagens das homenagens em um dos batalhões de Operações Policiais Especiais (Bobe), em uma das sedes da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e também em Chapecó e Navegantes (veja no vídeo acima).

Segundo assessoria da Polícia Militar, três policiais já morreram vítimas da doença no estado. Dois da ativa, Leucir José Kist de Chapecó, no Oeste e Fábio Alves, e um do Corpo Temporário de Inativos da Segurança Pública, Luiz Gonzaga Nunes da Luz em Florianópolis.

Batalhão de Chapecó, no Oeste, prestou homenagem ao PM vítima da Covid-19 — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Comentários