No último dia 10 de março, por volta das 16h, foi comunicado por um funcionário sobre o desaparecimento de um frasco contendo 10 doses da vacina Coronavac. Em seguida, foi dado conhecimento ao prefeito municipal e ao delegado da Polícia Civil George Eduardo Samagaia, sendo registrado um boletim de ocorrência. O delegado realizou os procedimentos orientativos, pedindo sigilo do caso para não prejudicar o inquérito e apuração das investigações. Porém, devido a um vazamento de informações, o caso agora tornou-se público. Este é o primeiro caso de furto na região que se tem conhecimento.

CLIQUE AQUI E FIQUE INFORMADO DE TUDO O QUE ACONTECE NO MUNÍCIPIO DE APIÚNA.

O furto ocorreu dentro da unidade de saúde do centro, em uma sala com acesso restrito onde são mantidas as vacinas. Imagens das câmeras de vigilância estão sendo analisadas e alguns funcionários estão sendo chamados para prestar depoimento. “Nós vamos trabalhar de todas as formas para identificar quem foi a pessoa que fez isso, porque não é só um furto, é um crime contra a saúde do nosso município e a saúde do nosso país”, comentou com indignação o prefeito Marcelo Doutel da Silva em uma live apresentada na página oficial da Prefeitura Municipal.

A secretaria de Saúde Marciane Petters pediu compreensão da população: “Nós temos profissionais ótimos na saúde, então não julguem. Vamos esperar. O delegado está investigando e vamos chegar a ponto final nisso, mas antes disso acontecer, não julguem os funcionários da saúde. Estamos com um número grande de atendimentos na saúde e nossos profissionais estão bem debilitados.” Além disso, a secretaria agradeceu a atuação de todos os profissionais que estão na linha de frente da campanha de vacinação contro o COVID-19.

Comentários