A POLÍCIA CIVIL DE SANTA CATARINA, ATRAVÉS DA DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DA COMARCA DE ASCURRA, PRENDE HOMEM EM FLAGRANTE DELITO PELOS CRIMES DE TRÁFICO DE DROGAS, CORRUPÇÃO ATIVA E FRAUDE PROCESSUAL.

Na data de hoje, 08 de janeiro de 2021, por volta das 11h00, policiais lotados no Setor de Investigação Criminal da Comarca de Ascurra prenderam em flagrante um homem em virtude da prática de tráfico de drogas, corrupção ativa e fraude processual, sendo que na oportunidade foram apreendidas aproximadamente 100 (cem gramas) de maconha, 20 (vinte) buchas de cocaína, sendo 19 (dezenove) pequenas e 01 (uma) grande e 16 (dezesseis) comprimidos de ecstasy.

Os policiais iniciaram uma campana com a finalidade de monitorar uma “biqueira” de drogas localizada no início da rua Emílio Poffo, no Morro do Armandio, bairro Estação, cidade de Ascurra – tendo em vista a existência de inúmeras denúncias relacionadas a prática do tráfico de drogas no local – logo no início da diligência foi possível visualizar um usuário de drogas adentrando ao imóvel monitorado.

Levando em consideração a movimentação suspeita no imóvel, policiais entraram na residência e flagraram o momento exato no qual o conduzido vendia maconha para um adolescente de 17 (dezessete) anos, inclusive parte da transação foi filmada pela polícia, durante as buscas foram encontradas: drogas, dinheiro, celular, embalagem utilizada no tráfico, balanças de precisão, produtos para auxiliar no plantio da maconha e equipamentos para montar um pequeno laboratório de drogas.

O investigado J.C.M.D havia sido preso por tráfico de drogas no ano de 2018 na cidade de Trombudo Central e estava em prisão domiciliar com o uso de tornozeleira eletrônica e possuía uma condenação de aproximadamente 06 (seis) anos de prisão por tráfico e posse ilegal de arma de fogo.Devido a situação flagrancial fora dada voz de prisão ao investigado J.C.M.D que estava na residência, pelos crimes de tráfico de drogas, corrupção ativa, considerando o fato de ter oferecido dinheiro aos policiais para não ser preso e fraude processual por ter quebrado o celular apreendido pela polícia.

Por fim, o conduzidos J.C.M.D foi encaminhado até esta delegacia para a lavratura do competente Auto de Prisão em Flagrante perante o Delegado de Polícia Civil Dr. Antonio Lúcio Antunes Godoi, ficando assim à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Ascurra.

COLABORE COM A POLÍCIA CIVIL DE ASCURRA – DENÚNCIAS ATRAVÉS DO 047-9.9793-6769- SIGILO ABSOLUTO.

Comentários